Pequenos presentes culturais



Depois de ter concluído nosso Ano dos curtas-metragens 2020  O IPA na Comissão de Cultura passa agora a oferecer-lhe todos os meses um pequeno presente: um pequeno vídeo, um poema, uma canção, uma pintura, algo que o possa tocar, divertir, confundir, comover, inspirar ou surpreender. Isso levará apenas alguns minutos do seu tempo e ainda pode emprestar uma melodia suave ao seu dia. 


Setembro: Maurice Béjart e Michèle Seigneuret - "La Teck" (1960)

This month we present you Maurice Béjart and Michèle Seigneuret dancing “La Teck” around a sculpture by Marta Pan to Chet Baker’s take on Gerry Sullivan's “The Nearness of you”, Tito Puente’s “Tito on Timbales” and Stan Getz’ “Witch Doctor.” In the exhibition “Women in abstraction” in the Centre Georges Pompidou, Paris, Johanna Velt found this marriage of music, dance, and sculpture – tenderness and passion, nostalgia and modernism.

Junho: Pintura de Gerhard Richter

Nesta colagem de vídeos, filmados por Corinna Belz ao longo de três anos, vemos Gerhard Richter em ação: aumentando e desgastando camadas de tinta e continuamente respondendo ao velamento e revelação de camadas anteriores de cores, estruturas e padrões, a pintura abstrata emerge do diálogo criativo do artista com seu objeto.

Março: Os Cães Românticos de Roberto Bolaño

Em uma caminhada pela cidade francesa de Céret, perto da fronteira com a Espanha, Rotraut De Clerck, em Frankfurt, descobriu este poema de Roberto Bolaño na parede de uma casa na Rue de La Costete: um presente para os transeuntes.
---
Naquela época, eu tinha completado vinte anos
e eu estava louco.
Eu perdi um país
mas ganhou um sonho.
Contanto que eu tivesse aquele sonho
nada mais importava.
Não trabalhando, não rezando
não estudando na luz da manhã
ao lado dos cães românticos.
E o sonho viveu no vazio do meu espírito.
Um quarto de madeira,
envolto em meia-luz,
profundamente nos pulmões dos trópicos.
E às vezes eu recuava dentro de mim
e visite o sonho: uma estátua eternizada
em pensamentos líquidos,
um verme branco se contorcendo
apaixonado.
Um amor em fuga.
Um sonho dentro de outro sonho.
E o pesadelo me dizendo: você vai crescer.
Você vai deixar para trás as imagens da dor e da
labirinto e você vai esquecer.
Mas, naquela época, crescer teria sido um crime.
Estou aqui, eu disse, com os cachorros românticos
e aqui vou ficar.
Roberto Bolaño, OS CÃES ROMÂNTICOS, Poemas. Traduzido por Laura Healy. 2008, New Directions Books, Nova York.

Agosto:
Judith Scott (1943 - 2005)

Na sequência da apresentação do Congresso IPA de Siri Hustvedt “Fantasmas umbilicais”, queremos apresentar-lhe Judith Scott: Nascida em 1943 com Síndrome de Down (ao contrário de sua irmã gêmea Joyce), Judith contraiu escarlatina na infância e tornou-se surda, que permaneceu desconhecida e levou a subestimando e negligenciando suas capacidades de aprendizagem. Aos 7 anos, ela foi separada de sua irmã gêmea e passou os próximos 35 anos em uma instituição para deficientes mentais. Em 1985, Joyce tornou-se sua tutora legal, mudou-se para a Califórnia e matriculou-a no Creative Growth Art Center em Oakland. Lá Judith descobriu sua paixão por tecido e fibra e começou a construir esculturas abstratas a partir de objetos que ela artisticamente embrulhou em fios coloridos, criando uma estética fascinante. Judith Scott tornou-se uma artista de renome internacional, cujas esculturas abstratas de fibra são exibidas em muitos museus de arte contemporânea em todo o mundo. Em 2005 ela morreu aos 61 anos na casa de sua irmã. Este pequeno video mostra em um silêncio ensurdecedor Judith Scott no trabalho.

Maio: Cirque du Soleil: High Wire Act do show Kooza

O Cirque du Soleil, com sede em Montreal, viajou o mundo com seu show Kooza, apresentando este espetacular ato de corda bamba com palhaços artisticamente vestidos em trajes burlescos tradicionais - um feito de equilíbrio de tirar o fôlego!

Fevereiro: Astrith Baltsan com a Filarmônica de Israel

A artista clássica mais popular de Israel, Dra. Astrith Baltsan, pianista, narradora e musicóloga, conta a você sobre Gershwin e como sua música surgiu. Paola Golinelli, de Bolonha, chamou nossa atenção para este vídeo.

Julho: Dança da escada

Os alunos do Ballet Tech de Eliot Feld, uma escola pública gratuita de dança da cidade de Nova York, se apresentam no palco do Joyce Theatre; assista a trechos de sua coreografia Stair Dance de 2019 - em uma agradável antecipação do 52º Congresso Internacional da IPA sobre o infantil: suas múltiplas dimensões.

Abril: Nina Simone

Em 1968, Nina Simone apresentou sua famosa canção “Ain't Got No, I Got Life” em uma poderosa performance ao vivo em Londres.

Janeiro: Um pequeno vídeo concurso de Freud

Começamos nossa pequena série de presentes com um vídeo encantador de Sigmund Freud apresentando o presente de uma flor para seu neto Ernst, sentado no braço de sua mãe, a filha de Freud, Sophie. Christina Nadler, New York, trouxe este vídeo à atenção da Freudian Society, New York, e do IPA. Anton Kris, Cambridge, identificou provisoriamente Sophie e Ernst Halberstadt. Este vídeo também é postado aqui como uma inspiração e convite para participar do Prêmio de Vídeo IPA sobre o tema do 52º Congresso “O Infantil: as suas múltiplas dimensões”.